Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘inverno’

20151102_123758.jpg

Foto tirada por mim em Gramado

São intermináveis
as luas e os sóis
e o milagre dos dias que irrompe.

Chove em mim e o
ventre do abismo
acolhe o trajeto dos pássaros.

Vejo frutas prematuras
na paisagem que criou
este poema.

Logo será tempo de morrer
e entoar um cântico
de renovação
ao fascínio incerto
do solstício.

É familiar esse aceno
das árvores
que me seduz
em pleno mês de julho.

Solange Firmino

(No meu livro “Geometria do abismo”)

Anúncios

Read Full Post »

Em homenagem ao inverno, que começa na madrugada desta quarta-feira, um poema que está no meu segundo livro, “Das estações”:

Véspera

Por ora,
é preciso estar atento ao tempo,
que tudo devora,
como a solidão que corrói o indivíduo.

Na escuridão, a luz frágil flui:
sol dourado que sobrevém ao sono.

Quando eu acordar,
no alvoroço do café,
já será outra estação.

Solange Firmino

(No livro “Das estações”)inverno.jpg

Read Full Post »

Último pôr-do-sol de Outono. Atibaia, 20 de junho de 2014.

Último pôr-do-sol de Outono. Atibaia, 20 de junho de 2014.

Texto antigo meu sobre o “Inverno e a renovação necessária”:

http://www.blocosonline.com.br/literatura/prosa/colunistas/sfirmino/sf0004.php

Poema para o inverno

 

O vento do outono

abraça a nova estação,

que chega com sua

ordem de recolhimento.

 

Como em um rito,

novos rumos se fazem

no casulo dos dias

à espera dos ciclos

das estações.

 

No rastro das névoas,

os sonhos não nascidos

escondem-se.

A vida lateja no

cortejo de idéias submersas.

 

Palavras extremas

aguardam o movimento

de fuga no vento,

ninho das idéias.

 

Há um poema intacto

no caminho do tempo

que aguarda o inverno,

mas só renascerei

na primavera.

 

Solange Firmino

Atibaia, 21 de junho de 2014

Atibaia, 21 de junho de 2014

Read Full Post »